Top Nav

O Guia Moderno da Magia - Crítica de Bruxa

mar. 27, 2021 0 comments

 


Criticamos O Guia Moderno Da Magia de Skye Alexander, um livro que tem ganho popularidade entre iniciantes no caminho da bruxaria.

O Guia Moderno Da Magia foi traduzido em 2020, sendo o título original Modern Guide to Witchcraft, publicado em 2014. Quero começar a dar na cabeça de quem traduziu o título de "witchcraft" (bruxaria) para "magia". Bruxaria não é uma palavra má. Apesar disto, o título diz exatamente o que este livro é: um guia, ou seja, um livro pelo qual se começa para "molhar os pezinhos" no mundo da bruxaria. O subtítulo "Feitiços, poções, amuletos e rituais que atrairão sucesso para a sua vida pessoal e profissional" é mais marketing que outra coisa, visto que o livro é em grande parte teórico, com a exceção do grimório final.

A autora é Skye Alexander, uma bruxa norte-americana New Age. New Age é uma vertente da bruxaria baseada em positividade, luz, amor, anjos, chakras, reiki, etc. É uma prática muito mais cristã e com valores e morais bem destacados. Conseguimos observar estes valores neste livro, especialmente na secção sobre ética na bruxaria, quando a escritora aborda o paganismo e no grimório, mas já chegaremos a isso.

O livro tem todos os temas que são necessários um iniciante saber: a definição de bruxaria, magia, história, a energia do universo, os elementos, divindades, categorias da bruxaria, espaços sagrados, altares, instrumentos, ervas, cristais e um pequeno grimório com feitiços básicos. Por tentar abordar tantos temas em apenas um livro, este acaba por ser superficial, explicando apenas o básico dos básicos.

Começa por fazer uma ótima e muito necessária distinção entre bruxaria e Wicca. Depois, explica o conceito de magia, intenção e energia. Utiliza a frase "sempre fizeste magia", comparando a magia a atos mundanos como muitos outros praticantes comparam, como soprar uma vela de anos. Apesar desta simplificação da magia ser um horror para alguns, eu não me importo com ela e compreendo porque foi usada. É muito mais fácil explicar a alguém conceitos a partir de coisas que essa pessoa já conhece, e a escritora não deixa de explicar a complexidade da magia após dessa comparação. Explica a Lei da Atração e o poder da intenção de forma simples e fácil de entender.

Esta parte introdutória é o melhor capítulo do livro. As bases e definições do que é a prática são bem explicadas de forma rápida e simples, mas sem nunca omitir a complexidade do que é a bruxaria.

A autora aborda também os elementos, que são uma parte essencial da bruxaria devido à nossa ligação com a natureza. Apesar da introdução à magia, energia e elementos ter sido bastante bem explicada, a adição das fadas elementais era desnecessária. Skye fez questão no início de diferenciar a prática espiritual de práticas religiosas, no entanto, inclui elementos religiosos nas suas explicações. Nem todos incluem fadas na sua prática, pois nem todos acreditam nas mesmas - é uma crença religiosa.

Isto leva-me ao meu próximo ponto: O capítulo "Deuses e Deusas". Neste capítulo, é abordado o divino e o trabalho com divindades. A autora tem crenças bastante "cristo-wiccanas" e isso torna-se evidente neste capítulo. Diz os Deuses serem todos as mesmas divindades, apenas apresentadas de forma diferente. Este ponto de vista carece de melhor explicação, com muitas mais páginas dedicadas a divindades, para conseguir abordar todas as complexidades históricas e culturais do Divino. Para piorar, após este argumento, explica as divindades como sendo ou todas o Divino Feminino, ou o Divino Masculino, ou seja, explica que basicamente só há uma Deusa, que representa o amor, a fertilidade, e um Deus, que representa força e coragem. Esta é uma crença da Wicca e só da Wicca. Se a autora queria falar de energia Masculina e Feminina, podia ter feito um capítulo sobre isso, em vez de passar a ideia que a bruxaria só pode funcionar com um Deus e Deusa e depois dar uma tabela para a pessoa escolher. Este capítulo acaba por ser desnecessário, pois aborda religião como algo inerente da bruxaria, apesar de já ter sido dito o contrário no livro, e ignora bruxos que não incluem religião na sua prática.

Este capítulo podia ter sido retirado para expandir outros que necessitavam de um pouco mais de cuidado, como a história, ervas e cristais. Nota-se que a autora é muito melhor em autoajuda e a ensinar conceitos abstratos do que a ensinar os temas mais tradicionais da bruxaria. Sente-se que a própria escritora precisava de um guia - houve falta de organização dos temas necessários para o público para o qual o livro é direcionado, passa a impressão que Skye escrevia aquilo de que se lembrava, quase como uma compilação de blog posts, ou um Livro das Sombras. Esta desorganização do livro acaba por ser compensada pelo facto de a autora ser boa professora e ter amplo conhecimento - apenas não teve páginas suficientes para o passar.

O grimório é ótimo para iniciantes, com feitiços simples e instruções fáceis de seguir. Existem alguns que são fúteis e para coisas mundanas, seria boa uma pequena introdução a explicar quando um feitiço é necessário. Cai de novo no erro de ter feitiços religiosos, que envolvem anjos, ou chakras, ou Wicca. Acaba com uma secção sobre como encontrar comunidades e seguir o caminho da bruxaria com um tom esperançoso que deixa o leitor motivado.

Considero este livro mais de autoajuda do que de estudo. É, exatamente, um guia. Ajudaria mais, sendo um guia, no final, em vez de ter um índice, ter um glossário ou livros de referência, contudo, continua a ser uma ótima compilação de temas. Este livro não deve ser lido como um livro de estudo, mas sim como uma introdução ao estudo - é por isso que o recomendo sempre a iniciantes, para além de ser um dos melhores livros de bruxaria traduzidos e de fácil acesso em Portugal. Após a leitura, a pessoa deverá escolher um dos temas a aprofundar. 

Avaliação: ★★★★✭ 4.5 Estrelas
Recomendado a: Iniciantes que não sabem nada sobre a prática



Comentários

Related Posts

{{posts[0].title}}

{{posts[0].date}} {{posts[0].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[1].title}}

{{posts[1].date}} {{posts[1].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[2].title}}

{{posts[2].date}} {{posts[2].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[3].title}}

{{posts[3].date}} {{posts[3].commentsNum}} {{messages_comments}}

Comentários

Formulário de Contacto