Top Nav

Nabia, a fonte da vida - Deuses Lusitanos

set. 13, 2021 2 comments

A Senhora das águas lusitanas, Nabia é tida como uma das Deusas mais importantes do panteão Lusitano.

Nabia, ou Navia, cujo nome significa "curso da água" é a Deusa das águas do panteão lusitano. Quando falamos em águas, falamos em todos os meios em que o aquático esteja envolvido: chuva, fontes, lagos, rios, mar, oceano - se existe água, existe Nabia. Devido a esta ligação com a água é uma Deusa da vida e fertilidade, pois água é a essência da vida. É também associada à lua, e por consequência à feminilidade e virgindade.

Também é conhecida por o seu epíteto Corona, cuja importância vem do facto de ser o único epíteto com rituais claros. Os rituais a esta Deusa tratavam-se de um sacrifício de gado, especificamente uma vaca e um boi, no dia 9 de abril. Este é dos únicos rituais lusitanos que se conhece. É também por este epíteto que se julga que Nabia poderia ser a Rainha ou Mãe dos Deuses, pois a palavra tem origem no latim para "coroa", ou apenas Rainha do Mar. É possivelmente consorte de Coronus, mais conhecido como Quangeio, o Deus cão.

Existem ligações desta Deusa com Diana (Deusa romana dos animais e virgindade), Juno (Deusa romana da maternidade e família) e Nantosvelta (Deusa celta das águas e fertilidade), o que torna a sua posição no seu próprio panteão confusa, pois as Deusas semelhantes a Ela têm posições tão diferentes nos seus, Diana como Deusa venerada principalmente por mulheres, Juno como Rainha dos Deuses e Nantosvelta como Deusa das águas. Propõe então que ela pode ter sido venerada com todas estas vertentes: de forma geral como Deusa das águas que controla a fertilidade e a vida, precisando de sacrifícios para a manter, e pelas mulheres como Deusa da virgindade e maternidade. Aliás, muitas das Deusas-mãe eram multifunção.

Existem 16 artefactos de Nabia distribuídos entre a Galiza e Portugal, mas especificamente a norte do rio Douro, existindo uma figura da Deusa em Braga, que a retrata com um manto e uma ave.

Ficamos então a conhecer um símbolo desta Deusa, para além da água e da lua: aves. Não se sabe que ave especifica, mas sugere-se ser uma pomba ou corvo devido a ligações de ambos estes pássaros a fertilidade e feminilidade. Podemos ainda tomar aves em geral como símbolos de Nabia. Uma ave que cabe particularmente com todas as facetas desta Senhora das águas é a garça-real, que é uma ave aquática, símbolo de realeza e feminilidade. Temos ainda a bilha de água como símbolo devido a Nabia ser uma Deusa das fontes. As suas cores principais serão o azul e o branco. Quanto a astrologia, podemos associar a Virgem e Peixes, e números temos o 9, dia da sua celebração.

Em conclusão temos uma Deusa das águas, venerada como representação da feminilidade e maternidade. 

Pagãos poderão escolher celebrar esta Deusa no seu dia de celebração, 9 de abril, no entanto, se tal não for possível, outras datas são conhecidas, sempre no nono dia do mês: 9 de março e 9 de outubro. Relembrando que não é moralmente correto sacrificar animais, por isso, este sacrifício pode ser levado de forma mais simbólica, uma partilha de comida ou até um sacrifício de comida, ou seja, tirar o dia para jejum ou não comer carne de vaca nesse dia - ainda um sacrifício, mas um mais moralmente correto. É considerada por neo-pagãos a Deusa padroeira de Portugal, pelo que qualquer dia que celebre Portugal poderá ser um bom dia para celebrar Nabia. Temos também a ligação com trabalho com antepassados devido à associação com a família, pelo que esta Deusa pode ser chamada para nos guiar quando um ente querido morrer ou se sentir saudade ou precisar do aconselhamento de um familiar que já foi.

Boas ofertas para Nabia são: água, especialmente água espiritual como água da lua; pratos com carne de vaca; figuras de pássaros; conchas, búzios; cristais como água-marinha e pedra da lua; barcos, atos de sacrificio e atos de amor familiar.

@probablysininho

A Deusa Nabia | Próximo: O Deus Quangeio ##DeusesLusitanos ##portugal ##mitologia ##paganismo ##lusitanos

♬ som original - Rosa🧚‍♀️

 Referências:

https://omoledro.wordpress.com/deuses-ibericos/

https://www.atdlusitana.org/panteao-celtico-lusitano

https://www.wook.pt/livro/religioes-da-lusitania-i-jose-leite-de-vasconcelos/68386?a_aid=6043a09298b74

https://www.wook.pt/livro/deuses-e-rituais-iniciaticos-da-antiga-lusitania-gilberto-de-lascariz/1499014?a_aid=6043a09298b74

Comentários

  1. Por favor continua a série sobre as divindades lusitanas.
    Excelente trabalho!

    ResponderEliminar
  2. É possível que a Deusa Nabia esteja conectada à Deusa Danu do panteão celta?

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Related Posts

{{posts[0].title}}

{{posts[0].date}} {{posts[0].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[1].title}}

{{posts[1].date}} {{posts[1].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[2].title}}

{{posts[2].date}} {{posts[2].commentsNum}} {{messages_comments}}

{{posts[3].title}}

{{posts[3].date}} {{posts[3].commentsNum}} {{messages_comments}}

Comentários

Formulário de Contacto